11 de janeiro de 2010

O provável último Post

Desde 2006 posto aqui. Criei um blog para achincalhar meu antigo chefe, depois para mostrar o quão nerd ou melhor que os outros eu sou, pra depois mostrar o quão "revoltadzinho" com a igreja eu me tornei e como ela é fraca....

The Godspeed é um nome que eu gosto bastante. Mas o que ele é não reflete mais o que eu sou. Percebo que passei maior parte do tempo tentando mudar o mundo, mas o máximo que eu fiz foi apenas torrar minha paciência. Não nego que uma vidinha pacata, com um empreguinho feliz e uma familiazinha de smileys sorridentes não me agrada muito. Posso sim, ter uma família feliz e posso sim, ser mais que o mero trabalhador, que trabalha de sol a sol para encontrar a felicidade numa TV de led ou num blu-ray. Muitos de nós estão fadados a uma vida assim, e eu não me isento.

Mas eu cansei de ser o chatonildo que posta num blog de grafia difícil, onde ele lê seus escritos para louvar-se a si mesmo de suas palavras difíceis e de seus argumentos "irrefutáveis". Não quero mais achincalhar a igreja. Faço parte de uma, que amo tanto, e que tem tantos defeitos como qualquer uma. Tem problemas violentos, que podem ser mitigados das formas mais simples, mas eu não sou o pastor, tampouco sou líder de alguma coisa ou sou alguém a quem as pessoas ouvem. Por mais que eu estude, ou leia, ou raciocine, de nada isso vale, se não puder ser transmitido. E confesso que este blog tem funcionado apenas para que eu me louve.

Peço perdão aos poucos que aqui entraram e se depararam com tratados científicos sobre coisa alguma. Por mais que eu tenha pretensões de me espelhar em meu mentor, Paulo Brabo, não sou ele. Não sou um homem á beira dos 50 anos, numa chácara com um emprego que eu gostaria pra mim. Sou Paulo Víctor, e sou um jovem homem que agora começa sua vida de fato, que tem inúmeras lutas pela frente, decisões e escolhas, e que já passou do tempo de se questionar se deve ou não seguir a Deus. Agora, o que ele tem que fazer é seguir.

Fatalmente eu não vou deixar de blogar. Gosto muito de escrever, mesmo que pra isso eu não tenha lá muito talento. Mas penso que postar contos, histórias, poesias e estudos bíblicos sejam de melhor gosto que textinhos que causam fastio. Mas se isso acontecer, vai acontecer de uma outra forma, sob outro nome, com melhor conteúdo.

Israel; obrigado por me abrir os olhos. Não desista de mim, por favor.

David; sua paciência comigo vai ser recompensada. Como, eu não sei, mas vai ser.

Mari; nunca deixe de me mandar notícias. São seus a quase totalidade dos comentários daqui.

Paula; eu ainda estou aqui e você ainda está aqui.

A todos, muito obrigado. De coração.

Godspeed.